Dresden – Alemanha

Castelo de Dresden
Catedral e Residenzschloss, antiga residência dos reis da Saxônia

Dresden é a cidade que, literalmente, renasceu das cinzas. Antiga residência dos reis da Saxônia, Dresden era considerada a Florença do Norte por sua intensa atividade cultural e artística. As construções em estilo barroco e rococó, admiradas em todo o mundo, foram completamente destruídas por intensos bombardeios aéreos durante a II Guerra Mundial.

Dresden
Dresden após os bombardeios

O ataque causou controvérsia pois teria sido desproporcional aos ganhos militares. Calcula-se que ao todo foram 1,3 mil bombardeios que despejaram 3,9 mil toneladas de dispositivos incendiários e bombas explosivas.

As fotos da época impressionam. Sobraram apenas esqueletos. Difícil acreditar que, apesar da destruição, a cidade conseguiu se reerguer. Por isso, a própria cidade é a sua maior atração e vale muito a pena conhecer.

Após o fim da Guerra, alguns monumentos históricos foram reconstruídos, como a Ópera e o palácio de Zwinger, que abriga diversos museus.

Frauenkirche
A Frauenkirche entre construções recentes

A Frauenkirche, por exemplo, foi deixada em ruínas no período comunista para servir como lembrança dos males da II Guerra e sua reconstrução só foi iniciada após a unificação. Hoje, simboliza a reconciliação.

Ao redor do centro histórico, porém, o que vemos é uma cidade completamente nova, extremamente organizada e moderna.

O ponto alto entre as atrações de Dresden é o Brühlsche Terrasse, mais conhecido como o Balcão da Europa. O imenso terraço fazia parte das fortificações da cidade e oferece maravilhosas vistas do rio Elba.

Balcão da Europa
O Balcão da Europa

Entre as construções, uma das mais belas é o Residenzschloss, antiga residência dos reis da Saxônia que reúne uma série de museus. O castelo foi construído em etapas, entre o final do século 15 e o século 17.

Dresden é tão linda que merece uma visita calma, com um dia de hospedagem. Mas se o tempo for curto dá para fazer o passeio saindo e voltando de Berlim no mesmo dia. Há trens frequentes entre as cidades e o trajeto dura cerca de 2 horas. A passagem não é barata, por isso se estiver pensando em comprar o Eurail Pass separe um dia para este passeio.

Da estação central de Dresden até o centro histórico é uma caminhada rápida e super agradável por uma rua de comércio super limpa e moderna, com muitos restaurantes e cafés.

2 comments

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s